Viva Chávez!

Hoje faz mais um ano da morte do Comandante Hugo Chávez: o nacional-revolucionário elevado pelo Povo venezuelano ao status de caudilho nacional − pegando de empréstimo as palavras de um de seus mentores, Noberto Ceresole, o peronista argentino de quem Chávez foi discípulo.

Profundamente influenciado pelo governo militar e revolucionário do peruano Velasco Alvarado, Chávez é herdeiro direto do nacionalismo popular e revolucionário ibero-americano, ao lado de Vargas, Cárdenas, Perón e o Movimento Nacional Revolucionário (MNR) boliviano.

Como estadista, cometeu alguns erros, como o de não ter retirado a Venezuela da dependência da exportação de commodities. Não obstante, lutou pela soberania de seu País e pela libertação de seu Povo e de sua Pátria, como também dos povos de toda a América Latina (a NuestraAmérica, como ele chamava).

Sua importância para os povos é inestimável – sua perda, irreparável.

 Que sua memória ecoe por gerações.

«Que os cães do Império ladrem: esse é o seu trabalho. O nosso é
combater para conquistar a verdadeira libertação de nosso povo»
(Hugo Chávez).

COMANDANTE HUGO CHÁVEZ, PRESENTE!

 

Deixe uma resposta