Aleksandr Dugin – “Todo identitário negro é um aliado e todo branco liberal é um inimigo”

Para mim, todo identitário negro é um aliado e todo branco liberal é um inimigo. O mesmo vale para o negro liberal (inimigo) e para o branco identitário (aliado). A guerra racial é deles, não nossa: uma guerra imposta pelos liberais, que buscam evitar ser o alvo principal do nosso ódio (plenamente justificado). Essa não é nossa guerra. Aqui, nós somos pela paz. No entanto, os liberais, sejam eles brancos ou negros, gays ou heterossexuais, são o mal absoluto. E a guerra contra eles é uma guerra santa, a nossa guerra. Aqui, nós somos pela guerra. Charlottesville é o começo da guerra.  Que seja nossa guerra: não racial, mas uma guerra de brancos e negros unidos contra os globalistas liberais, contra o Pântano, contra o exército de marionetes de [George] Soros. Estou dizendo aquilo que o Sr. Trump quis dizer: vamos fazer os povos brancos e negros grandes outra vez!

Aleksandr Dugin

Filósofo e cientista político, ex-docente da Universidade Estatal de Moscou, formulador das chamadas Quarta Teoria Política e Teoria do Mundo Multipolar, é<em> </em>um dos principais nomes da escola moderna de geopolítica russa, bem como um dos mais importantes pensadores de nosso tempo.

4 Comments

    1. Duas falsificações de nazistinha : a ideia de que sociedades complexas são hierarquicamente superiores e a ideia de que não houve civilizações africanas subsaarianas de relevo conforme os padrões ocidentais.

  1. Pingback: falandonalata1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *